Cervejaria Horst & Biermann e a história do casal cervejeiro

3380806561?profile=originalCarin Elisabeth Horst e Sandro Rogério Biermann representam o sonho de qualquer cervejeiro, produzir a sua própria cerveja artesanal. Mas eles não se contentaram só com isso, foram além e hoje produzem em escala comercial. Poderiam ter parado por ai, porém foram além mais uma vez para que as cervejas Horst & Biermann seguissem a Lei da Pureza da Cerveja. Não é incrível?


A Horst & Biermann é uma cervejaria artesanal do sul do país que vem ganhando espaço no mercado cervejeiro, produzindo bebidas de qualidade com a cara do Brasil sem esquecer das raízes alemãs. E com amor por cerveja e alegria em produzir, o resultado só poderia ser esse: um produto de qualidade para nós cervejeiros.


Por isso decidimos contar a história e alguns “causos” deles aqui no lokobeer. Confira na entrevista! Aproveitem e se inspirem...

Lokobeer: De onde veio a paixão por cerveja?


3380806730?profile=originalHorst & Biermann: A paixão por cerveja veio da adolescência, principalmente no caso da parte “Horst” da cerveja. Carin Horst nasceu em Estrela, cidade sede da melhor cerveja Polar fabricada no país (pelo comentário deu para sentir o bairrismo) mas, lenda ou não, a cerveja Polar de Estrela era conhecida como a melhor cerveja. As pessoas que lá trabalhavam tinham orgulho de dizer “Eu trabalho na Polar” e isso se perpetuou para os filhos destes e para toda população em geral, não raro as pessoas se identificavam por “eu sou de Estrela – cidade da Polar”. Meus pais não trabalhavam na Polar, mas se contaminaram com este espírito. Lembro que ter um barril de chopp da Polar era uma tradição nas festas de final de ano da família. Estrela não tem mais a Polar, mas carrega a lembrança de uma grande potência e contaminou a muitos dos que lá nasceram ou viveram.


Já a paixão por cerveja artesanal se deu na época em que as cervejas artesanais estavam começando a ganhar espaço no cenário gaúcho. Nos conhecemos (Carin Elisabeth Horst e Sandro Rogério Biermann) nesta mesma época. Um dos primeiros programas juntos foi o II Encontro Aberto da Acerva Gaúcha, dia 04/04/2009. Dizem nossos amigos que o namoro não havia engrenado ainda, ou então que era “nada sério”. Depois deste evento, o até então analista de sistemas se descobriu. Aquele desfile de aromas e degustação de novos sabores nos transportou para um mundo totalmente novo. O depoimento apaixonado dos cervejeiros nos despertou a vontade de fazer parte deste mundo!

Lokobeer: O que o rio Guaíba tem a ver com a cervejaria Horst & Biermann?


3380806830?profile=originalHorst & Biermann: Foi neste mesmo evento. Começamos provando e provando ... e vamos confessar: levamos uma de recordação para tomar a beira do Guaíba. Mas a causa foi justa, temos certeza que ali nasceu a Horst&Biermann. Nasceu como devem nascer as paixões: de uma grande vontade.

Lokobeer: Qual foi a maior inspiração para iniciar a cervejaria?


Horst & Biermann: Produzir a nossa grande paixão - cerveja! Depois deste encontro, vieram outros encontros, os Extra_Malte no Studio Clio, idas ao BierKeller, a descoberta dos botecos que vendem cerveja artesanal, o sair do comum ... e, finalmente em um sábado de chuva, em Junho de 2010: Vamos lá! Direção WE! E para quem mora na Zona Sul, vamos combinar: É LONGE! Lá chegando, descobrimos que eles não abrem aos sábados, mas foi uma feliz coincidência (quando a gente sabe o que quer ... o universo conspira) estar acontecendo naquele dia um treinamento e assim adquirimos os primeiros maltes, lúpulos e todos os equipamentos necessários. Muita criatividade, boa vontade amor a cerveja, começamos a produzir uma verdadeira cerveja artesanal, de grande qualidade. Brindar as coisas boas da vida com sua própria cerveja não tem preço!

Lokobeer: Qual é a origem do nome Horst & Biermann?


H3380806998?profile=originalorst & Biermann: São os sobrenomes da dupla Carin Elisabeth Horst e Sandro Rogério Biermann. O processo de produção da cerveja iniciou na mesma época em que decidimos oficializar nossa união. E, já que a decisão foi casar, a lembrança desta união tinha que, com certeza, ser a nossa cerveja!!! União, cerveja, rótulo e aí surgiu – Horst&Biermann!!!

As primeiras brassagens levaram 12 horas. E a primeira distribuição em grande quantidade foi justamente em nosso casamento. Aproximadamente 150 garrafas long neck. Segundo os convidados, um dos mais úteis presentes que já ganharam como lembrança de casamento.

Lokobeer: Quando começaram imaginavam que se tornariam uma cervejaria conhecida no Brasil inteiro?


Horst & Biermann: Imaginação é a arte do desejo, então sim, nós imaginamos!


Lokobeer: Após esses quase 3 anos desde 2010, o que vocês projetam para o futuro da Horst & Biermann?


3380807133?profile=originalHorst & Biermann: O primeiro bar que começou a vender nossa cerveja foi a Toca do Vice. Ainda lembro que fomos os dois sem muita experiência, alias, sem nenhuma experiência ... levar algumas cervejas para o pessoal que lá estavam para provar. A inexperiência deu lugar à vontade de falar e contar sobre nossa paixão e assim embriagar a todos com nossa história. Tiramos algumas fotos do refrigerador com as cervejas à mostra.

Esta sensação é indescritível, assim como ouvir os elogios de quem está provando a cerveja. Depois da Toca do Vice vieram o Parangolé e outros bares e lojas de bebidas. Estamos em processo de ampliação, com a mudança para um novo endereço e aquisição de novos equipamentos. Para o futuro projetamos ter uma cervejaria que seja referência, quando você pensar em uma boa cerveja artesanal vai logo lembrar “Horst&Biermann”.

Lokobeer: Qual é a importância dos botecos que comercializam cervejas artesanais?


Horst & Biermann: Toda importância, eles são TUDO!!! Juntamente com os eventos, revistas e iniciativas como a Lokobeer que promovem e divulgam as cervejas artesanais, eles contribuem para o aumento do número de apreciadores das cervejas artesanais.

Lokobeer: Como estão vendo a evolução do mercado cervejeiro no Brasil?


Horst & Biermann: As cervejas artesanais estão promovendo uma grande revolução. Estamos nos aproximando de um padrão europeu/americano com relação ao acesso a diferentes cervejas e com qualidade e isso tudo sem o devido incentivo por parte do governo. Mas a evolução das micro cervejarias está atraindo a atenção do governo e governantes para este assunto. Nada justifica a cervejaria de um homem só ter que cumprir as mesmas exigências e pagar os mesmos impostos de uma AMBEV.

Atualmente somente a paixão move um empreendedor que queira abrir a sua própria cervejaria para assim poder comercializar cerveja.


Com relação à evolução, acredito que um artigo do burgomestre Sady Homrich publicado Revista cerveja Nro. 4, explique bem essa questão: até questão de vestibular já está tratando da cerveja. É um caminho sem volta! Mas vamos combinar que esta estrada é muito boa! E que venha a revolução!

Lokobeer: Lugar preferido para tomar cerveja?


3380807184?profile=originalHorst & Biermann: O lugar preferido é aquele que conta histórias. É aquele que não se tem vontade de ir embora. Em que o garçom ou o dono da casa ou o cervejeiro sabe do que está falando e não se cansa de apresentar novidades. É assim em vários bares que freqüentamos e é assim também na nossa casa e dos nossos amigos.

Lokobeer: Qual foi o melhor lugar que beberam cerveja fora de Porto Alegre?


Horst & Biermann: Ainda não fomos juntos para Europa nem EUA, então vamos citar um lugar que conhecemos juntos - Buller Pub & Brewery, localizado em Buenos Aires na Recoleta, logo atrás do cemitério. Ficamos hospedados bem próximos e nem preciso dizer que fomos lá todos os dias. O garçom já nos conhecia pelo nome e sabia da nossa história e, como todo bom bar pede, voltamos de lá com várias histórias para contar e a lembrança de uma boa cerveja e um desejo – ainda quero ter um lugar assim.

 

 

 

 

 

 

3380807327?profile=original3380807383?profile=original

 

Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Lokobeer.

Join Lokobeer

Comentários

  • Ótima matéria! Porém o melhor eu garanto que é só bebendo!

This reply was deleted.