3380665916?profile=original

3380666596?profile=originalentenda

Estilo: Session IPA
Teor alcoólico: 4,7%
Temperatura ideal de consumo: entre 12 e 14 ºC
IBU (índice de amargor): 45

A 2cabeças Funk IPA é uma fusão entre Estados Unidos e Brasil. Assim foi criado o nosso Funk. Com esta mistura surge a Funk IPA, um pancadão de lúpulos. Refrescante, dourada, leve e descontraída, como uma boa carioca, mas com a pegada marcante dos lúpulos e da atitude americana. Esta Session IPA não é filtrada, tem 4,7% de álcool e 45 IBU (índice de amargor). Possui aroma pronunciado de frutas tropicais, como mamão e maracujá, gerados pela combinação dos lúpulos Zeus, Summit e Galaxy (no dry hopping). Produzida apenas com os maltes Pale Ale e Munich, tem baixo teor alcoólico mas sem perder personalidade.

"O corpo é bem leve e, combinado com o final amargo, deixa a quase necessidade de um próximo gole, que pode ter de James Brown a Mr. Catra como trilha sonora." - Maíra Kimura, cervejeira da 2cabeças.

"A Funk IPA nasce para acabar com preconceitos, musicais ou cervejeiros, como de que a cerveja precisa ser lager e sem graça para agradar no calor brasileiro, ou que cerveja só pode combinar com Rock. Engula o seu preconceito!" - Bernardo Couto, cervejeiro da 2cabeças.

O grupo de cervejas IPA (India Pale Ale) surgiu no século XVIII, fabricado especialmente para os oficiais do Exército Britânico residentes na Índia durante o período colonial, que enfrentavam calor insuportável e ausência de água potável. Para ajudar a suportar a longa viagem desde a Inglaterra, sujeita a variações de temperatura e muito chacoalhar, a bebida era produzida com bastante lúpulo, o que lhe conferia sabor fortemente frutado e maior teor alcoólico.

A 2cabeças surgiu em 2012, no Rio de Janeiro, pensando em só uma coisa: lúpulo. Mentira! Tá bom, não é mentira não, mas ekes queriam fazer cervejas com a própria cara, com personalidade própria. Muito lúpulo, mas também fazer estilos diferentes e usar ingredientes brasileiros. E, de alguma forma, juntar tudo isso criando cervejas deliciosas. Levaram as receitas das panelas de casa para os bares, em escala comercial, pensando que se gostavam delas, outras pessoas também curtiriam. E assim seguem até hoje, com a missão de repensar cerveja!

17 já tomaram
Já tomei!
Votos 0

Para adicionar comentários, você deve ser membro de Lokobeer.

Join Lokobeer

Comentários

This reply was deleted.
Enviar-me um e-mail quando as pessoas deixarem os seus comentários –